Luanda
Não confirmado

OSTEOPATIA PEDIÁTRICA (OUT 2024)

Apresentação

Osteopatia Pediátrica oferece uma enorme diversidade de técnicas manuais que lhe permitirão avaliar e intervir em patologias e quadros clínicos tais como deformações cranianascefaleias, cólicas, bronquiolite, torcicolo congénito, escoliose, luxação congénita da anca ou mesmo otite.

As técnicas de osteopatia na pediatria são utilizadas como complemento aos outros tratamentos, no âmbito de uma abordagem global e integrada, em quadros clínicos considerados habitualmente como não resolúveis ou de baixo sucesso terapêutico, que podem ser a razão de desconforto prolongado para o bebé ou criança, e para os seus familiares.

Com base na avaliação e raciocínio clínico osteopático, para além da possibilidade de acesso a casos reais, saberá como planear e executar um tratamento com sucesso, intervindo na real causa do desconforto da criança.

 

NOTA IMPORTANTE: Este curso inclui uma componente online assíncrona que deve visualizar antes da componente presencial.

Informação geral
DestinatárioEstudante finalista, Fisioterapeuta, Outros Profissionais de Saúde
Carga Horária24h presencial + 8 horas assíncronas
TipoPresencial
IdiomaPortuguês
Informações adicionais
Datas4, 5 e 6 de Outubro
CidadeLuanda
Horário

08:00 - 17:00

Endereço

Hotel Alvalade - Comandante Gika - Luanda

Google Map
Vagas30
  • Inscrição antecipada
    a partir de 07-02-2024
    200 000 Kz
  • Inscrição normal
    a partir de 25-07-2024
    220 000 Kz
  • Inscrição tardia
    a partir de 01-09-2024
    240 000 Kz
Comprar agora Wishlist

Formadores

Sofia Milhano

Fisioterapeuta

VOU SER MELHOR COM ESTE CURSO PORQUE:

  • Vou integrar uma visão osteopática que me vai permitir determinar a causa do desconforto da criança, sendo capaz de avaliar e tratar diferentes patologias no âmbito da osteopatia no recém-nascido, bebé e criança.
  • Vou compreender as diferentes disfunções patológicas da criança e conhecer um conceito de intervenção que irá tornar mais precisa e eficaz a forma como avalio e trato a criança;
  • Vou ser capaz de executar técnicas de osteopatia na pediatria como complemento aos outros tratamentos, no âmbito de uma abordagem global e integrada, oferecendo soluções com resultados ao bebé ou criança, e para os seus familiares;
  • Vou compreender as disfunções osteopáticas na grávida, no período de gravidez e no pós-parto, sabendo relacionar os sintomas manifestados pela criança com acontecimentos na gravidez, parto e pós-parto;
  • Vou integrar um curso com muita prática, vivenciando uma experiência multifactorial, na qual terei acesso direto a uma formadora com uma vasta experiência clínica na área e aos colegas de curso, numa lógica de aprendizagem bilateral e networking;
  • Vou desenvolver o meu raciocínio clínico e ter as minhas dúvidas assistidas e esclarecidas, melhorando a minha prática clínica.

Objectivos Geral:

  • Desenvolver conhecimentos teórico-práticos, sendo capaz de avaliar e tratar diferentes patologias no âmbito da osteopatia no recém-nascido, bebé e criança

Objectivos específicos

  • Identificar as diferentes fases do desenvolvimento embrionário do feto;
  • Reconhecer os diferentes tipos de parto e os seus efeitos no recém-nascido;
  • Discrimiar as disfunções osteopáticas na grávida e no período pós-parto;
  • Reconhecer o desenvolvimento neuro psicomotor desde o recém-nascido à criança;
  • Diferenciar as diferentes disfunções patológicas da criança, tendo por base uma visão osteopática;
  • Saber executar um exame osteopático em pediatria;
  • Saber construir um correto raciocínio clínico em pediatria;
  • Saber executar técnicas osteopáticas para a tratamento em pediatria.
  • Desenvolvimento fetal e diferentes fases embrionárias:
    – Anatomia e centros de ossificação;
    – Osteologia craniana;
    – Desenvolvimento dos sentidos e movimentos do feto.
  • parto e os seus efeitos no crânio do recém-nascido:
    – Fases do parto;
    – Indução, ventosas, fórceps e episiotomia;
    – Cesariana;
    – Cesariana vs. Parto normal;
    – Diferentes apresentações do bebé.
  • Desenvolvimento do recém-nascido e criança:
    – Reflexos primitivos e desenvolvimento motor;
    – Desenvolvimento social;
    – Desenvolvimento da linguagem;
    – Desenvolvimento visual e auditivo.
  • Osteopatia no bebé e criança
  • Metodologia da Avaliação Osteopática no bebé/criança
  • Osteopatia na grávida e cadeias lesionais pós-parto
  • Abordagem clínica de diferentes patologias no bebé e tratamento Osteopático:
    – Deformações cranianas;
    – Cefaleias e Enxaquecas;
    – Patologia Visceral (Cólicas, Refluxo, Diarreia, Obstipação e Nutrição Essencial);
    – Patologia respiratória (Apneia do sono na criança, Bronquiolites, Asma);
    – Patologia Otorrino (Otite, Rinite, Sinusite);
    – Patologia Estrutural (Torcicolo Congénito, Escoliose, Disfunções Somáticas Vertebrais, Disfunção do Plexo Braquial, Subluxação da Cabeça do Rádio, Disfunção do Membro Inferior e Pé, Luxação Congénita da Anca);
    – Disfunções Orofaciais e Oftalmológicas;
    – Patologia neurológica.
  • Abordagem prática de técnicas osteopáticas
  • Discussão de casos em osteopatia pediátrica
  • Indicações e contraindicações da Osteopatia na grávida, bebé e criança
  • Os participantes deverão trazer roupa confortável (t-shirt polo ou top e calções), que lhes permita treinar adequadamente todas as técnicas. Deverão ainda trazer uma toalha e um boneco de barriga mole.
  • 32 horas de formação (24 horas presenciais e 8 horas online assíncronas);
  • Material de apoio do curso em formato digital (em Português);
  • Certificado de registo profissional

Nem sempre os primeiros meses de vida de uma criança são tranquilos. É extremamente comum que após o nacimento, os pais se deparem com um bebé que não dorme bem, chora constantemente, tem cólicas e que vomita, muitas vezes sem qualquer razão aparente.

As crianças também sentem doransiedade e stress, também se irritam e ficam deprimidos. No entanto, ao contrário dos adultos que conseguem exprimir e lidar com estas situações de diferentes formas, as crianças apenas o exprimem ao chorar.

Atualmente, sabe-se que já durante a gravidez o bebé se adapta a posições viciosas in útero e que, no momento do parto, o crânio sofre agressões ao passar pelo canal vaginal.

Por outro lado, sabe-se também que estas diferentes pressões são úteis e necessárias ao correto desenvolvimento do crânio do bebé, porém quando são excessivas, podem provocar disfunções e assimetrias que, apesar de normalmente não serem lesões graves nem visíveis, alteram o funcionamento normal das mesmas, causando sintomatologia.

Com efeito, estas disfunções e assimetrias podem “auto resolver-se”, mas em algumas situações permanecem, evoluindo de tal forma que, na idade adulta, dificultam a execução de um tratamento de sucesso.

Neste contexto, compreende-se a necessidade de realizar um diagnóstico e uma intervenção precoce, assim como o importante papel da osteopatia pediátrica que, através de técnicas de mobilizações específicas e suaves, diferentes do tratamento para adultos, permite o equilíbrio das tensões ao nível dos diferentes tecidos (ossos, músculos, fáscia, órgãos e estruturas cranianas) e da mobilidade ótima das várias regiões do corpo.

Neste processo também o estado de saúde da mulher é essencial, pelo que neste curso serão também abordados alguns conceitos relacionados com osteopatia na grávida e cadeias lesionais pós parto.

As técnicas de osteopatia na pediatria são utilizadas como complemento aos outros tratamentos psicológicos e médicos desenhados para a criança, no âmbito de uma abordagem global e integrada. Pode ser uma mais-valia em diversas situações como:

  • Alterações da forma do crânio e face;
  • Patologia gastrointestinal: refluxo, cólicas, hérnia do hiato, gazes, diarreia e obstipação;
  • Transtornos de sono e no adormecer, agitação e nervosismo;
  • Patologia Otorrino (Otite, Rinite, Sinusite);
  • Patologia respiratória (Apneia do sono na criança, Bronquiolites, Asma);
  • Patologia neurológica;
  • Patologia Estrutural (Torcicolo Congénito, Escoliose, Disfunções Somáticas Vertebrais,
  • Disfunção do Plexo Braquial, Subluxação da Cabeça do Rádio, Disfunção do Membro Inferior e Pé, Luxação Congénita da Anca);
  • Estrabismos, alguns tipos de conjuntivite e outros problemas visuais;
  • Outros: dificuldade na sucção, dificuldade de concentração e aprendizagem, atraso geral de desenvolvimento, irritabilidade, autismo, hiperatividade, dificuldade na articulação de alguns sons e chorar excessivo.
  • Este curso vai inicialmente tocar em alguns aspetos fundamentais relacionados com os princípios da osteopatia e disfunções no bebé. Em seguida, abordar-se-ão procedimentos e estratégias de avaliação e intervenção no bebé, desde alguns mais elementares até aos mais avançados;
  • Poderá ter acesso a casos reais.
Objetivos

Objectivos Geral:

  • Desenvolver conhecimentos teórico-práticos, sendo capaz de avaliar e tratar diferentes patologias no âmbito da osteopatia no recém-nascido, bebé e criança

Objectivos específicos

  • Identificar as diferentes fases do desenvolvimento embrionário do feto;
  • Reconhecer os diferentes tipos de parto e os seus efeitos no recém-nascido;
  • Discrimiar as disfunções osteopáticas na grávida e no período pós-parto;
  • Reconhecer o desenvolvimento neuro psicomotor desde o recém-nascido à criança;
  • Diferenciar as diferentes disfunções patológicas da criança, tendo por base uma visão osteopática;
  • Saber executar um exame osteopático em pediatria;
  • Saber construir um correto raciocínio clínico em pediatria;
  • Saber executar técnicas osteopáticas para a tratamento em pediatria.
Programa
  • Desenvolvimento fetal e diferentes fases embrionárias:
    – Anatomia e centros de ossificação;
    – Osteologia craniana;
    – Desenvolvimento dos sentidos e movimentos do feto.
  • parto e os seus efeitos no crânio do recém-nascido:
    – Fases do parto;
    – Indução, ventosas, fórceps e episiotomia;
    – Cesariana;
    – Cesariana vs. Parto normal;
    – Diferentes apresentações do bebé.
  • Desenvolvimento do recém-nascido e criança:
    – Reflexos primitivos e desenvolvimento motor;
    – Desenvolvimento social;
    – Desenvolvimento da linguagem;
    – Desenvolvimento visual e auditivo.
  • Osteopatia no bebé e criança
  • Metodologia da Avaliação Osteopática no bebé/criança
  • Osteopatia na grávida e cadeias lesionais pós-parto
  • Abordagem clínica de diferentes patologias no bebé e tratamento Osteopático:
    – Deformações cranianas;
    – Cefaleias e Enxaquecas;
    – Patologia Visceral (Cólicas, Refluxo, Diarreia, Obstipação e Nutrição Essencial);
    – Patologia respiratória (Apneia do sono na criança, Bronquiolites, Asma);
    – Patologia Otorrino (Otite, Rinite, Sinusite);
    – Patologia Estrutural (Torcicolo Congénito, Escoliose, Disfunções Somáticas Vertebrais, Disfunção do Plexo Braquial, Subluxação da Cabeça do Rádio, Disfunção do Membro Inferior e Pé, Luxação Congénita da Anca);
    – Disfunções Orofaciais e Oftalmológicas;
    – Patologia neurológica.
  • Abordagem prática de técnicas osteopáticas
  • Discussão de casos em osteopatia pediátrica
  • Indicações e contraindicações da Osteopatia na grávida, bebé e criança
Indumentária & Material
  • Os participantes deverão trazer roupa confortável (t-shirt polo ou top e calções), que lhes permita treinar adequadamente todas as técnicas. Deverão ainda trazer uma toalha e um boneco de barriga mole.
Inclui
  • 32 horas de formação (24 horas presenciais e 8 horas online assíncronas);
  • Material de apoio do curso em formato digital (em Português);
  • Certificado de registo profissional
SAIBA MAIS SOBRE ESTE TEMA

Nem sempre os primeiros meses de vida de uma criança são tranquilos. É extremamente comum que após o nacimento, os pais se deparem com um bebé que não dorme bem, chora constantemente, tem cólicas e que vomita, muitas vezes sem qualquer razão aparente.

As crianças também sentem doransiedade e stress, também se irritam e ficam deprimidos. No entanto, ao contrário dos adultos que conseguem exprimir e lidar com estas situações de diferentes formas, as crianças apenas o exprimem ao chorar.

Atualmente, sabe-se que já durante a gravidez o bebé se adapta a posições viciosas in útero e que, no momento do parto, o crânio sofre agressões ao passar pelo canal vaginal.

Por outro lado, sabe-se também que estas diferentes pressões são úteis e necessárias ao correto desenvolvimento do crânio do bebé, porém quando são excessivas, podem provocar disfunções e assimetrias que, apesar de normalmente não serem lesões graves nem visíveis, alteram o funcionamento normal das mesmas, causando sintomatologia.

Com efeito, estas disfunções e assimetrias podem “auto resolver-se”, mas em algumas situações permanecem, evoluindo de tal forma que, na idade adulta, dificultam a execução de um tratamento de sucesso.

Neste contexto, compreende-se a necessidade de realizar um diagnóstico e uma intervenção precoce, assim como o importante papel da osteopatia pediátrica que, através de técnicas de mobilizações específicas e suaves, diferentes do tratamento para adultos, permite o equilíbrio das tensões ao nível dos diferentes tecidos (ossos, músculos, fáscia, órgãos e estruturas cranianas) e da mobilidade ótima das várias regiões do corpo.

Neste processo também o estado de saúde da mulher é essencial, pelo que neste curso serão também abordados alguns conceitos relacionados com osteopatia na grávida e cadeias lesionais pós parto.

As técnicas de osteopatia na pediatria são utilizadas como complemento aos outros tratamentos psicológicos e médicos desenhados para a criança, no âmbito de uma abordagem global e integrada. Pode ser uma mais-valia em diversas situações como:

  • Alterações da forma do crânio e face;
  • Patologia gastrointestinal: refluxo, cólicas, hérnia do hiato, gazes, diarreia e obstipação;
  • Transtornos de sono e no adormecer, agitação e nervosismo;
  • Patologia Otorrino (Otite, Rinite, Sinusite);
  • Patologia respiratória (Apneia do sono na criança, Bronquiolites, Asma);
  • Patologia neurológica;
  • Patologia Estrutural (Torcicolo Congénito, Escoliose, Disfunções Somáticas Vertebrais,
  • Disfunção do Plexo Braquial, Subluxação da Cabeça do Rádio, Disfunção do Membro Inferior e Pé, Luxação Congénita da Anca);
  • Estrabismos, alguns tipos de conjuntivite e outros problemas visuais;
  • Outros: dificuldade na sucção, dificuldade de concentração e aprendizagem, atraso geral de desenvolvimento, irritabilidade, autismo, hiperatividade, dificuldade na articulação de alguns sons e chorar excessivo.
NOTAS IMPORTANTES
  • Este curso vai inicialmente tocar em alguns aspetos fundamentais relacionados com os princípios da osteopatia e disfunções no bebé. Em seguida, abordar-se-ão procedimentos e estratégias de avaliação e intervenção no bebé, desde alguns mais elementares até aos mais avançados;
  • Poderá ter acesso a casos reais.
  • Inscrição antecipada
    a partir de 07-02-2024
    200 000 Kz
  • Inscrição normal
    a partir de 25-07-2024
    220 000 Kz
  • Inscrição tardia
    a partir de 01-09-2024
    240 000 Kz
Comprar agora Wishlist

Pode estar também interessado em:

× Apoio Cliente Available from 13:00 to 18:00 Available on SundayMondayTuesdayWednesdayThursdayFridaySaturday